Glauco Viana
sinceramente!!!
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

Doa o que doer, vou amar
Amar dói,
Mas o amor carnal,
O amor de expectativa,
O amor de desconfiança.
Mas o amor de aliança amigável,
Amor de família,
De confiança de infância,
E de Amizade palpável, não morre.

O amor natural não morre,
Doa o que doer, este amor vou amar.
Glauco Viana
Enviado por Glauco Viana em 31/07/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários